Notícias

por Interlegis — última modificação 26/09/2019 12h07
Banco de notícias desta Casa Legislativa.

Câmara de Vereadores aprova contas de ex-prefeitos de Vilhena

por Dicom publicado 21/12/2021 14h55, última modificação 21/12/2021 15h07

 

Contas receberam parecer prévio do Tribunal de Contas.

A Câmara de Vereadores de Vilhena aprovou as contas de ex-prefeitos do município referentes aos anos de 2017 e 2019. As votações aconteceram durante a 11ª sessão extraordinária, na manhã desta terça-feira (21).

A ordem do dia foi composta apenas dos Projetos de Decreto Legislativo 033 e 034/2021. Conforme o artigo 173 do Regimento Interno da Câmara de Vereadores, as contas de prefeitos devem ser submetidas à discussão e votação em sessão exclusiva.

Antes de serem julgadas pela Câmara, as contas dos ex-prefeitos receberam parecer prévio do Tribunal de Contas do Estado de Rondônia (TCE-RO), manifestando pela aprovação, mas com ressalvas.  

Ressalvas apontadas na prestação de contas da ex-prefeita Rosani Terezinha Pires da Costa Donadon - 2017:

a) superavaliação do saldo da conta “Caixa e equivalentes de caixa” no valor de R$ 1.947.336,65 (um milhão novecentos e quarenta e sete mil trezentos e trinta e seis reais e sessenta e cinco centavos);

b) subavaliação do saldo da dívida ativa no valor de R$ 26.719.285,39 (vinte e seis milhões setecentos e dezenove mil duzentos e oitenta e cinco reais e trinta e nove centavos;

c) subavaliação das provisões matemáticas previdenciárias no valor de R$ 129.309.187,01 (cento e vinte e nove milhões trezentos e nove mil cento e oitenta e sete reais e um centavo);

d) não atendimento dos requisitos dos instrumentos de planejamentos (PPA, LDO e LOA) e das determinações e recomendações do TCE de exercícios anteriores;

e) ausência de demonstração da memória de cálculo das fontes de recursos para abertura dos créditos adicionais;

f) excessivas alterações no orçamento (20,83%); e

g) não atingimento da meta de resultado nominal.

Ressalvas apontadas na prestação de contas do prefeito Eduardo Japonês (PV) - 2019:

a) não atendimento das determinações exaradas pelo TCE-RO em acórdãos de anos anteriores;

b) baixa arrecadação dos créditos da dívida ativa, cujo esforço na recuperação alcançou apenas 6,17% (seis inteiros e dezessete centésimos por cento) do saldo inicial;

c) abstenção de opinião sobre o saldo da conta “provisão matemática previdenciária” registrada no passivo não circulante do balanço patrimonial, em razão da discrepância entre o lapso temporal da realização da avaliação atuarial e o encerramento das demonstrações contábeis; e

d) não disponibilização do parecer prévio de 2018 do TCE-RO, no portal de transparência, com fácil acesso aos usuários, e não comprovação da participação popular no processo de discussão e elaboração da LDO e LOA 2020 e da apresentação do relatório de gestão fiscal.

A Comissão de Finanças e Orçamento (CFO), a Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) e a Assessoria Jurídica da Casa acompanharam o parecer do TCE-RO e emitiram pareceres para aprovação, mas com ressalvas. Dessa forma, os Projetos de Decreto Legislativo foram aprovados por unanimidade.

As ressalvas são observações de melhorias a serem executadas no próximo exercício. Após as aprovações, os parlamentares encerraram o ano legislativo com uma oração no plenário.

Para saber mais informações sobre esses projetos, acesse o Sistema de Apoio ao Processo Legislativo (Sapl).

Câmara de Vereadores de Vilhena
Diretoria de Comunicação
Texto: Diretoria de Comunicação/Diretoria Legislativa
Foto: Diretoria de Comunicação

Câmara autoriza R$ 1,8 milhão para pagamento de abono aos profissionais do magistério

por Dicom publicado 21/12/2021 14h33, última modificação 21/12/2021 14h33


Recursos são provenientes de excesso de arrecadação do Fundeb.

A Câmara de Vereadores de Vilhena aprovou mais de R$ 1,8 milhão para a Secretaria Municipal de Educação (Semed). A votação aconteceu durante a 32ª sessão ordinária da Casa Legislativa, na manhã desta terça-feira (21).

No Projeto de Lei 6.291/2021, o Poder Executivo solicitou autorização para abertura de crédito adicional suplementar, no valor de R$ 1.845.738,94, no orçamento-programa da Semed, para pagamento de abono aos profissionais do magistério.

O recurso é oriundo de excesso de arrecadação nas receitas do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).  

A solicitação objetiva atender as necessidades da Secretaria Municipal de Educação e foi aprovada em regime de urgência, considerando que o valor é para pagamento no mês de dezembro.

Para conferir os projetos que tramitam na Câmara de Vereadores, acesse o Sistema de Apoio ao Processo Legislativo (Sapl).

Câmara de Vereadores de Vilhena
Diretoria de Comunicação
Texto: Diretoria de Comunicação
Foto: Divulgação

Veja os projetos aprovados na 32ª sessão ordinária da Câmara

por Dicom publicado 21/12/2021 14h16, última modificação 21/12/2021 14h16

 

A Câmara de Vereadores de Vilhena aprovou 11 projetos de lei durante a 32ª sessão ordinária da Câmara de Vereadores. As votações aconteceram na manhã desta terça-feira (21). Entre as proposições aprovadas está o teste do olhinho nos recém-nascidos na rede pública municipal.

Durante a sessão, a Câmara homenageou o cabo da Polícia Militar Geraldo Magela Alves Cordeiro Júnior. Ele fazia compras em um supermercado, quando realizou as manobras de primeiros socorros e salvou a vida de uma criança, que havia se engasgado com uma bala.

A moção de aplauso, de autoria do vereador Sargento Damassa (Pros), foi aprovada por unanimidade, em novembro deste ano. Nesta terça-feira, foi realizada a entrega da Moção de Aplauso.

Proposta de emenda à Lei Orgânica aprovada em 2º turno:

075/2021 - Altera e acresce dispositivos na Lei Orgânica do Município. Inclui a proteção de animais domésticos ou domesticados; determina a destinação de recursos ao Fundo Municipal de Meio Ambiente  e Cria o Fundo Municipal de Proteção e Bem-estar Animal - PRO - ANIMAL. Autoria do Poder Legislativo.

Projetos de Lei aprovados:

6.227/2021 - Dispõe sobre a obrigatoriedade de hospitais, unidades básicas de saúde e demais estabelecimentos de atendimento de saúde afixarem, em lugar visível e acessível ao público, a escala semanal dos médicos e demais profissionais plantonistas da saúde. Autoria do vereador Sargento Damassa.

6.254/2021 - Dispõe sobre a realização de teste do olhinho nos recém-nascidos em maternidade e serviços hospitalares da rede pública municipal e conveniados com o Sistema Único de Saúde para doenças oculares. Autoria do vereador Sargento Damassa.

6.261/2021 - Autoriza o Poder Executivo municipal doar, com encargos, ao governo do estado de Rondônia o imóvel identificado como Lote 01-R1 (Equipamento Público) da Quadra 36, Residencial Cidade Verde III, no perímetro urbano do município de Vilhena, para implantação e edificação de escola estadual de Ensino Fundamental II e Ensino Médio. Substitutivo nº 012/2021 - CCJR. Autoria do Poder Executivo.

6.262/2021 - Dispõe sobre autorização para abertura de crédito adicional suplementar no valor de R$ 939.373,92, no orçamento-programa do Saae, para o reequilíbrio financeiro do contrato 08/2020 em razão do aumento inesperado de preços dos materiais, visando dar continuidade às obras de ampliação e readequação do sistema de abastecimento de água. Autoria do Poder Executivo.

6.264/2021 - Autoriza o Poder Executivo a celebrar convênio com o Sebrae/RO para elaboração do plano municipal de turismo. Substitutivo nº 013/2021 - CCJR. Autoria do Poder Executivo.

6.269/2021 - Dispõe sobre a instituição do Programa de Apoio Financeiro às Escolas Municipais de Vilhena - PAFEMV e dá outras providências. Emenda Modificativa nº 005/2021. Autoria do Poder Executivo.

6.285/2021 - Dispõe sobre autorização para abertura de crédito adicional suplementar, por excesso de arrecadação, no valor de R$ 289.641,74, no orçamento-programa do Saae, para pagamento de faturas de energia elétrica com vencimento em 28/12/2021. Autoria do Poder Executivo.

6.286/2021 - Dispõe sobre autorização para abertura de crédito adicional especial, por excesso de arrecadação, no valor de R$ 58.174,02, no orçamento-programa do Saae, para pagamento de despesas relativas aos reajuste do contrato nº 54/2016, referente à implantação do sistema de esgotamento sanitário de Vilhena. Autoria do Poder Executivo.

6.290/2021 - Dispõe sobre autorização para abertura de crédito adicional suplementar no valor de R$ 667.249,42, no orçamento-programa da Semed, para pagamento de folha, obrigações patronais e rescisões dos servidores de apoio e dos profissionais do magistério da rede municipal de ensino, referente ao mês de dezembro de 2021.  Autoria do Poder Executivo.

6.291/2021 - Dispõe sobre autorização para abertura de crédito adicional suplementar, por excesso de arrecadação, no valor de R$ 1.845.738,94, no orçamento-programa da Semed, para pagamento de abono aos profissionais do magistério. Autoria do Poder Executivo.

6.292/2021 - Dispõe sobre autorização para abertura de crédito adicional suplementar no valor de R$ 277.720,00, no orçamento-programa da Semus, para pagamento de folha e encargos dos servidores lotados na secretaria, referente ao mês de dezembro de 2021. Autoria do Poder Executivo.

Requerimento aprovado:

042/2021 - Requeiro ao prefeito relatório pormenorizado de todos os gastos decorrentes de abertura de créditos adicionais suplementares sobre o total orçado para despesas do exercício financeiro de 2021 até o limite de 3%, conforme estabelece o art. 20, I, da Lei nº 5.379, de 21 de outubro de 2020 (LDO), combinado com o art. 7º da Lei nº 5.418, de 16 de dezembro de 2020 (LOA). Autoria do vereador Ronildo Macedo.

Para saber mais informações sobre as proposições, acesse o Sistema de Apoio ao Processo Legislativo (Sapl)

Câmara de Vereadores de Vilhena
Diretoria de Comunicação
Texto: Diretoria de Comunicação/Diretoria Legislativa
Foto: Diretoria de Comunicação

Pauta da 11ª sessão extraordinária de 21/12/21

por Dicom publicado 21/12/2021 09h31, última modificação 21/12/2021 09h31

 

11ª SESSÃO

EXTRAORDINÁRIA

 

 

 

ESTADO DE RONDÔNIA

PODER LEGISLATIVO

CÂMARA DE VEREADORES DO MUNICÍPIO DE VILHENA

PAUTA

 

 

21/12/2021

PROJETOS DE DECRETO LEGISLATIVO

ASSUNTO

AUTORIA

033/2020

Discussão e Votação

Aprova as Contas do Poder Executivo referente ao exercício 2017, de responsabilidade da ex-Prefeita Rosani Terezinha Pires da Costa Donadon.

Comissão de Finanças e Orçamento - CFO

034/2020

Discussão e Votação

Aprova as Contas do Poder Executivo referente ao exercício 2019, de responsabilidade do Prefeito Eduardo Toshiya Tsuru.

Comissão de Finanças e Orçamento - CFO

Câmara de Vereadores de Vilhena
Diretoria de Comunicação
Texto: Diretoria Legislativa
Foto: Diretoria de Comunicação

Pauta da 32ª sessão ordinária de 21/12/21

por Dicom publicado 21/12/2021 09h25, última modificação 21/12/2021 10h03

 

32ª SESSÃO

ORDINÁRIA

 

 

ESTADO DE RONDÔNIA

PODER LEGISLATIVO

CÂMARA DE VEREADORES DO MUNICÍPIO DE VILHENA

 

PAUTA

 

21/12/2021

PROPOSTA DE EMENDA À LEI ORGÂNICA

ASSUNTO

AUTORIA

075/2021

2º Turno de Discussão e Votação

NOVA EMENTA:  Altera e acresce dispositivos na Lei Orgânica do Município. Inclui a proteção de animais domésticos ou domesticados; Determina a destinação de recursos ao Fundo Municipal de Meio Ambiente  e Cria o Fundo Municipal de Proteção e Bem-estar Animal - PRO-ANIMAL.

Poder Legislativo

PROJETOS DE LEI

ASSUNTO

AUTORIA

6.227/2021

Discussão e Votação

Dispõe sobre a obrigatoriedade de hospitais, unidades básicas de saúde e demais estabelecimentos de atendimento de saúde afixarem, em lugar visível e acessível ao público, a escala semanal dos médicos e demais profissionais plantonistas da sáude.

Vereador Sargento Damassa

6.254/2021

Discussão e Votação

Dispõe sobre a realização de teste do olhinho nos recém-nascidos em maternidade e serviços hospitalares da rede pública municipal e conveniados com o Sistema Único de Saúde para doenças oculares.

Vereador Sargento Damassa

6.261/2021

Discussão e Votação

Autoriza o Poder Executivo Municipal doar, com encargos, ao Governo do Estado de Rondônia o imóvel identificado como Lote 01-R1 (Equipamento Público) da Quadra 36, Residencial Cidade Verde III, no perímetro Urbano do Município de Vilhena, para implantação e edificação de escola estadual de Ensino Fundamental II e Ensino Médio.

SUBSTITUTIVO Nº 012/2021 - CCJR.

Poder Executivo

6.262/2021

Discussão e Votação

Dispõe sobre autorização para abertura de Crédito Adicional Suplementar no valor de R$ 939.373,92 no Orçamento-Programa do SAAE, para o reequilíbrio financeiro do Contrato 08/2020 em razão do aumento inesperado de preços dos materiais, visando dar continuidade às obras de Ampliação e Readequação do Sistema de Abastecimento de Água.

Poder Executivo

6.264/2021

Discussão e Votação

Autoriza o Poder Executivo a celebrar convênio com o SEBRAE/RO para elaboração do Plano Municipal de Turismo.

SUBSTITUTIVO Nº 013/2021 - CCJR.

Poder Executivo

6.269/2021

Discussão e Votação

Dispõe sobre a instituição do Programa de Apoio Financeiro às Escolas Municipais de Vilhena - PAFEMV e dá outras providências.

Emenda Modificativa nº 005/2021.

Poder Executivo

6.285/2021

Discussão e Votação

Dispõe sobre autorização para abertura de Crédito Adicional Suplementar, por Excesso de Arrecadação, no valor de R$ 289.641,74 no Orçamento-Programa do SAAE, para pagamento de faturas de energia elétrica com vencimento em 28/12/2021.

Poder Executivo

6.286/2021

Discussão e Votação

Dispõe sobre autorização para abertura de Crédito Adicional Especial, por Excesso de Arrecadação, no valor de R$ 58.174,02 no Orçamento-Programa do SAAE, para pagamento de despesas relativas aos reajuste do Contrato nº 54/2016, referente à implantação do Sistema de Esgotamento Sanitário de Vilhena.

Poder Executivo

6.287/2021

Leitura

Denomina e oficializa Rua Albano Silvério de Oliveira a atual Rua 545, Bairro Jardim América.

Vereador Wilson Tabalipa

6.288/2021

Leitura

Denomina e oficializa Praça Jaime Alves dos Santos o próprio público localizado no Lote 13, Quadra 02, do Setor 69, Bairro Cidade Nova.

Vereadores Pedrinho Sanches e Samir Ali

6.289/2021

Leitura

Institui o Programa Jovem Aprendiz no âmbito da Administração Pública Direta e Indireta no Município de Vilhena.

Poder Executivo

6.290/2021

Leitura (Poder Executivo solicita urgência)

Dispõe sobre autorização para abertura de Crédito Adicional Suplementar no valor de R$ 667.249,42 no Orçamento-Programa da SEMED, para pagamento de folha, obrigações patronais e rescisões dos servidores de apoio e dos profissionais do magistério da Rede Municipal de Ensino, referente ao mês de dezembro de 2021.

Poder Executivo

6.291/2021

Leitura (Poder Executivo solicita urgência)

Dispõe sobre autorização para abertura de Crédito Adicional Suplementar, por Excesso de Arrecadação, no valor de R$ 1.845.738,94 no Orçamento-Programa da SEMED, para pagamento de abono aos profissionais do magistério.

Poder Executivo

6.292/2021

Leitura (Poder Executivo solicita urgência)

Dispõe sobre autorização para abertura de Crédito Adicional Suplementar no valor de R$ 277.720,00 no Orçamento-Programa da SEMUS, para pagamento de folha e encargos dos servidores lotados na Secretaria, referente ao mês de dezembro de 2021.

Poder Executivo

6.293/2021

Leitura

Altera o caput e o § 1º do artigo 2º da Lei nº 3.580, de 18 de fevereiro de 2013, que autoriza o Poder Executivo a celebrar Termo de Cooperação Técnica e Convênio, bem como a contratar, por prazo determinado, em caráter emergencial, servidores para prestar serviços atinentes às atividades de inspeção sanitária de produtos de origem animal, atendendo necessidade temporária de excepcional interesse do Município. Aumenta a quantidade de Agentes de Inspeção Sanitária de 28 para 32 e a remuneração destes de R$ 1.600,00 para R$ 2.000,00.

Poder Executivo

REQUERIMENTO

ASSUNTO

AUTORIA

042/2021

Discussão e Votação

Requeiro ao Prefeito relatório pormenorizado de todos os gastos decorrentes de abertura de créditos adicionais suplementares sobre o total orçado para despesas do exercício financeiro de 2021 até o limite de 3%, conforme estabelece o art. 20, I, da Lei nº 5.379, de 21 de outubro de 2020 (LDO), combinado com o art. 7º da Lei nº 5.418, de 16 de dezembro de 2020 (LOA).

Vereador Ronildo Macedo

Câmara de Vereadores de Vilhena
Diretoria de Comunicação
Texto: Diretoria Legislativa
Foto: Diretoria de Comunicação

Agentes de saúde pedem apoio aos vereadores para regulamentação de adicional

por Dicom publicado 20/12/2021 14h45, última modificação 20/12/2021 15h09

 

Casa Legislativa aguarda envio de projeto.

Agentes comunitários de saúde e de combate às endemias estiveram na Câmara  na manhã desta segunda-feira (20), para uma reunião com os vereadores. Os profissionais de saúde pediram apoio ao parlamentares para a regulamentação do repasse do incentivo adicional, que visa o fortalecimento das políticas de saúde da Atenção Básica.

De acordo com a agente comunitário de saúde, Carolina Santos, o Governo federal envia para o município, durante o ano, 13 parcelas. O recurso deve ser utilizado para as políticas relativas à atuação de agentes comunitários de saúde e de combate às endemias. “A última parcela, de acordo com a lei, deve ser repassada ao agente, que serve como uma bonificação. Mas esse incentivo precisa ser regulamentado pelo município”.

Conforme a categoria, atualmente, 144 agentes atuam no município. Ainda segundo a classe, o Poder Executivo deve enviar o projeto que autoriza essa regulamentação. Após tomarem conhecimento desse incentivo, os parlamentares aguardam a chegada da proposição na Câmara, para avaliação e votação. 

Câmara de Vereadores de Vilhena
Diretoria de Comunicação
Texto: Diretoria de Comunicação
Foto: Diretoria de Comunicação

Veja os projetos aprovados na 10ª sessão extraordinária da Câmara

por Dicom publicado 20/12/2021 14h17, última modificação 20/12/2021 14h17

 

A Câmara de Vereadores de Vilhena aprovou três projetos de lei durante a 10ª sessão extraordinária da Casa. As votações aconteceram na manhã desta terça-feira (20), após serem deliberadas emendas aditivas e modificativas às proposituras. Entre as proposições aprovadas, está Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA) que estima a receita e fixa a despesa do município de Vilhena para o exercício financeiro de 2022.

 Confira os Projetos de Lei aprovados:

 6.196/2021 - Dispõe sobre o Plano Plurianual do município de Vilhena para o quadriênio 2022 a 2025. Autoria do Poder Executivo.

 Antes de votar o projeto, foram deliberadas a Emenda Aditiva nº 001/2021 e as Emendas Modificativas nº 001 e 002/2021.

 A Emenda Aditiva 001/2021, de autoria do vereador Ronildo Macedo, adita R$ 360.000,00 no orçamento da Secretaria Municipal de Administração para manutenção das atividades e contribuição a entidades fechadas de Previdência e reduz R$ 360.000,00, da mesma secretaria, nos vencimentos e vantagens fixas. A emenda foi aprovada por unanimidade.

 A Emenda Modificativa 001/2021, de autoria do vereador Dhonatan Pagani (PSDB), acresce R$ 200.000,00 no orçamento da Secretaria Municipal de Esportes para apoio administrativo e manutenção de atividades e reduz R$ 200.000,00 do Gabinete do Prefeito na construção, reforma e melhorias de pavilhões do paço municipal.

 A emenda foi rejeitada pela maioria dos parlamentares. Contudo, teve votos favoráveis dos vereadores Professora Vivian (PP) Repessold, Dhonatan Pagani e Sargento Damassa (Pros).

 A Emenda Modificativa 002/2021, de autoria do vereador Ronildo Macedo, acresce R$ 50.000,00 no orçamento da Secretaria Municipal de Trânsito para manutenção das atividades e R$ 150.000,00 para sinalização viária urbana. A emenda também acresce R$ 2 milhões no orçamento da Secretaria Municipal de Meio Ambiente para manutenção de atividades. A propositura reduz R$ 2 milhões no orçamento da secretaria municipal de Obras para a realização de obras e serviços de infraestrutura.

 A emenda foi rejeitada, mas teve votos favoráveis dos vereadores Dhonatan Pagani, Professora Vivian Repessold e Pedrinho Sanches (Avante).

 6.218/2021 - Dispõe sobre as Diretrizes Orçamentárias para o exercício de 2022. Autoria do Poder Executivo.

 Antes de votar o projeto, entrou em pauta a votação e discussão da Emenda Modificativa nº 004/2021 que modifica o §1º do artigo 25 do projeto, que tem o seguinte teor: “A criação de quaisquer vantagens ou implantação de plano de carreira será precedida de autorização legislativa, observada a iniciativa privada de cada Poder, sendo permitida a propositura de projeto de lei com efeito retroativo”. A emenda foi aprovada por unanimidade.

 6.244/2021 - Estima a receita e fixa a despesa do município de Vilhena para o Exercício Financeiro de 2022 – Lei Orçamentária Anual - LOA. De autoria do Poder Executivo.

 Previamente à votação do projeto, foi deliberada a Emenda Modificativa nº 003/2021, de autoria do vereador Ronildo Macedo que modifica o artigo 7º do projeto: “O Poder Executivo fica autorizado a abrir créditos adicionais suplementares sobre o total orçado para despesas do exercício, servindo como recursos os definidos no artigo 43 da Lei Federal nº 4.320, de 17 de março de 1964, até o limite de 2%”.

 A emenda foi rejeitada. Votaram a favor os vereadores  Sargento Damassa, Professora Vivian Repessold, Dhonatan Pagani e Pedrinho Sanches.

 Para saber mais informações sobre os projetos de lei, acesse o Sistema de Apoio ao Processo Legislativo (Sapl)

Câmara de Vereadores de Vilhena
Diretoria de Comunicação
Texto: Diretoria de Comunicação/Diretoria Legislativa
Foto: Semcom/Prefeitura de Vilhena

Câmara de Vereadores aprova orçamento municipal para 2022

por Dicom publicado 20/12/2021 13h43, última modificação 20/12/2021 13h43

 

Emendas Impositivas também foram votadas.

A Câmara de Vereadores de Vilhena aprovou o Projeto de Lei nº 6.244/2021, que prevê o orçamento municipal para 2022. A proposição foi votada em sessão extraordinária, na manhã desta segunda-feira (20). A receita estimada para o próximo ano é de R$ 365.332.545,67.

A Lei Orçamentária Anual (LOA) é instrumento fundamental para o planejamento dos esforços governamentais, visando o desenvolvimento socioeconômico sustentável do município. É elaborado  com base nas diretrizes anteriormente apontadas pelo Plano Plurianual (PPA) e pela Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

De acordo com o Poder Executivo, o valor da receita será oriundo da arrecadação de tributos, rendas e outras receitas correntes e de capital. Para a despesa, o Executivo definiu o valor de R$ 365.332.545,67, compreendendo o orçamento da administração direta em R$ 296.344.545,67 e, indireta, em R$ 68.988.000,00.

O orçamento ficou distribuído da seguinte forma:
Poder Legislativo - R$ 11.379.549,00
Administração - R$ 59.580.625,00
Defesa Nacional - R$ 50.000,00
Assistência Social - R$ 10.191.978,00
Previdência Social - R$ 12.512.000,00
Saúde - R$ 78.825.000,00
Educação - R$ 97.110.618,62
Cultura - R$ 1.300.000,00
Urbanismo - R$ 16.878.531,05
Habitação - R$ 1.000,00
Saneamento - R$ 21.807.148,00
Gestão Ambiental - R$ 1.588.377,00
Agricultura - R$ 5.682.871,00
Transporte - R$ 410.000,00
Desporto e Lazer - R$ 500.000,00
Encargos Especiais - R$ 10.220.000,00
Reserva de Contingência - R$ 34.893.588,00
Além disso, de acordo com a Constituição Federal e a Lei Orgânica do Município, o Poder Legislativo, por meio de Emendas Impositivas, destinou R$ 2.401.260,00 para programas e ações de interesse público.

Desse valor, R$ 1.128.204,02 serão enviados para a Saúde; R$ 1.008.203,98 para os demais programas e ações e R$ 264.852 para o Saae. Ao total, foram 79 emendas. Dessa forma, as despesas iniciais acrescidas das emendas impositivas totalizam o valor de R$ 365.332.545,67 para o exercício financeiro de 2022.

Emenda Impositiva é o instrumento pelo qual os vereadores podem apresentar emendas à LOA, destinando recursos do município para determinadas obras, projetos ou instituições. Após parecer favorável das comissões, os vereadores aprovaram o orçamento e as Emendas Impositivas. 

Já a Emenda Modificativa nº 003/2021 foi rejeitada pelos parlamentares por 8 votos a 4. A proposição, de autoria do vereador Ronildo Macedo (PV), sugeria alteração no artigo 7ª do Projeto de Lei 6.244/2021.

A mudança ficaria assim: “O Poder Executivo fica autorizado a abrir créditos adicionais suplementares sobre o total orçado para despesas do exercício, servindo como recursos os definidos no artigo 43 da Lei Federal nº 4.320, de 17 de março de 1964, até o limite de 2%”. 

No entanto, a maioria dos vereadores mantiveram o percentual atual, que é de 3%. Votaram a favor da Emenda Modificativa, os parlamentares: Sargento Damassa (Pros), Professora Vivian Repessold (PP), Dhonatan Pagani (PSDB) e Pedrinho Sanches (Avante).

Para conferir esse projeto, acesse o Sistema de Apoio ao Processo Legislativo.

 
Câmara de Vereadores de Vilhena
Diretoria de Comunicação
Texto: Diretoria de Comunicação/Diretoria Legislativa
Foto: Semcom/Prefeitura de Vilhena

Pauta da 10ª sessão extraordinária de 20/12/2021

por Dicom publicado 20/12/2021 09h38, última modificação 20/12/2021 09h38

10ª SESSÃO

EXTRAORDINÁRIA

 

 

 

ESTADO DE RONDÔNIA

PODER LEGISLATIVO

CÂMARA DE VEREADORES DO MUNICÍPIO DE VILHENA

PAUTA

 

 

20/12/2021

PROJETOS DE LEI

ASSUNTO

AUTORIA

6.196/2021

Discussão e Votação

Dispõe sobre o Plano Plurianual do Município de Vilhena para o quadriênio 2022 a 2025.

Emendas Impositivas nºs 001 a 079/2021.

Emenda Aditiva nº 001/2021.

Emendas Modificativass 001 e 002/2021 .

Poder Executivo

6.218/2021

Discussão e Votação

Dispõe sobre as Diretrizes Orçamentárias para o exercício de 2022 e dá Outras providências.

Emenda Modificativa nº 004/2021.

Poder Executivo

6.244/2021

Discussão e Votação

Estima a Receita e fixa a Despesa do Município de Vilhena para o Exercício Financeiro de 2022 – LEI ORÇAMENTÁRIA ANUAL - LOA.

Emenda Modificativa003/2021.

 

Poder Executivo

Câmara de Vereadores de Vilhena
Diretoria de Comunicação
Texto: Diretoria Legislativa
Foto: Diretoria de Comunicação

Câmara de Vereadores aprova mais de R$ 3 milhões para Saúde

por Dicom publicado 14/12/2021 14h43, última modificação 14/12/2021 14h43


Projeto foi aprovado por unanimidade.

A Câmara de Vereadores de Vilhena aprovou o Projeto de Lei 6.281/2021, que destina mais de R$ 3 milhões para a Secretaria Municipal de Saúde (Semus). A votação aconteceu durante a 31ª sessão ordinária, na manhã desta terça-feira (14).

No projeto, o Poder Executivo pediu autorização para abertura de crédito adicional suplementar, no valor de R$ 3.041.050,00, no orçamento-programa da Semus. O recurso é oriundo de excesso de arrecadação referente ao Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI).

O valor será utilizado para pagamento de folha dos servidores lotados na Semus, relativo ao mês de dezembro de 2021. O projeto foi aprovado por unanimidade e segue para sanção do Executivo.

Para saber mais informações sobre esse projeto, acesse o Sistema de Apoio ao Processo Legislativo (Sapl)

Câmara de Vereadores de Vilhena
Diretoria de Comunicação
Texto: Diretoria de Comunicação
Foto: Semcom/Prefeitura de Vilhena

Autorizados mais de R$ 400 mil para reequilíbrio financeiro em obras de escolas vilhenenses

por Dicom publicado 14/12/2021 14h19, última modificação 14/12/2021 14h19


Valores das obras sofreram alterações entre licitação e efetivação da construção.

A Câmara de Vereadores de Vilhena aprovou mais de R$ 400 mil para a Secretaria Municipal de Educação (Semed). A votação aconteceu durante a 31ª sessão ordinária da Casa Legislativa, na manhã desta terça-feira (14).

No Projeto de Lei 6.273/2021, o Poder Executivo solicitou autorização para abertura de crédito adicional suplementar, no valor de R$ 429.397,20, no orçamento-programa da Semed. O recurso será utilizado no pagamento de reequilíbrio econômico e financeiro referente à obra da escola do Bairro Embratel; reajuste e restituição da obra da Escola José Paulo Paes, e pagamento de transporte escolar para o encerramento do ano letivo.

A solicitação objetiva atender as necessidades da Semed, considerando o pedido da empresa de reequilíbrio financeiro das obras. Os valores das construções sofreram alterações no tempo decorrido entre a licitação e a efetivação da construção. O montante aprovado também será utilizado para pagamento de despesas com transporte escolar, que atende aos alunos da rede pública de ensino, residentes na zona rural.

Para conferir os projetos que tramitam na Câmara de Vereadores, acesse o Sistema de Apoio ao Processo Legislativo (Sapl).

Câmara de Vereadores de Vilhena
Diretoria de Comunicação
Texto: Diretoria de Comunicação
Foto: Semcom/Prefeitura de Vilhena

Veja os projetos aprovados na 31ª sessão ordinária da Câmara

por Dicom publicado 14/12/2021 14h20, última modificação 14/12/2021 14h38

 

A Câmara de Vereadores de Vilhena aprovou oito projetos e referendou um decreto durante a 31ª sessão ordinária da Casa Legislativa. As votações aconteceram na manhã desta terça-feira (14). Os parlamentares ainda aprovaram três requerimentos com pedidos de informações ao prefeito Eduardo Japonês (PV).

 Projetos de Lei Complementar aprovado:

 388/2021 - Autoriza o poder executivo municipal a promover a cobrança da contribuição de melhoria em decorrência da valorização imobiliária relativa às obras públicas a serem executadas nos bairros Alto Alegre, Nova Esperança, Jardim Universitário, Jardim Primavera, Jardim Social e Cristo Rei e dá outras providências. Autoria do Poder Executivo.

 Projetos de Lei aprovados:

 6.223/2021 - Denomina e oficializa Rua Camila de Souza Oliveira a atual Rua 624, no Setor 6 - Residencial, Bairro Parque São Paulo. Autoria do vereador Sargento Damassa.

 6.263/2021 - Dispõe sobre autorização para abertura de crédito adicional suplementar, por excesso de arrecadação, no valor de R$ 2.700.000,00, no orçamento-programa da Semad, da Semes e da Semagri, para o reforço orçamentário para pagamento de vencimentos e vantagens fixas dos servidores municipais, referente ao mês de dezembro. Autoria do Poder Executivo.

 6.273/2021 - Dispõe sobre autorização para abertura de crédito adicional suplementar  no valor de R$ 429.397,20, no orçamento-programa da Semed, para pagamento de reequilíbrio econômico e financeiro referente à obra da escola do Bairro Embratel, reajuste e restituição da obra da Escola José Paulo Paes e pagamento de transporte escolar para o encerramento do ano letivo.  Autoria do Poder Executivo.

 6.281/2021 - Dispõe sobre autorização para abertura de crédito adicional suplementar, por excesso de arrecadação, no valor de R$ 3.041.050,00, no orçamento-programa da Semus, para pagamento de folha dos servidores lotados nessa secretaria, referente ao mês de dezembro de 2021. Autoria do Poder Executivo.

 6.282/2021 - Dispõe sobre autorização para abertura de crédito adicional suplementar, por superávit financeiro, no valor de R$ 105.670,42, no orçamento-programa da Semosp, para devolução do saldo remanescente do convênio nº 865315/2018, que teve como objetivo a implantação da iluminação pública na pista de caminhada do Parque Ecológico, e  do convênio nº 880427/2018, que teve como finalidade a construção da Praça K, no Bairro Bodanese. Autoria do Poder Executivo.

 6.283/2021 - Dispõe sobre autorização para abertura de crédito adicional suplementar, por superávit financeiro, no valor de R$ 30.152,47, no orçamento-programa da Semosp, para devolução do saldo remanescente do termo de convênio nº 055/2020/FITHA/Governo do Estado, que teve como finalidade a aquisição de um caminhão-pipa. Autoria do Poder Executivo.

 6.284/2021 - Dispõe sobre autorização para abertura de crédito adicional especial no valor de R$ 12.225,08, no orçamento-programa da Semus, para devolução do saldo remanescente do termo de convênio nº 409/2018, firmado com o Governo do Estado de Rondônia. Autoria do Poder Executivo.

 Decreto referendado:

 54.329/2021 - Regulamenta o artigo 34 da Leis Complementares nº 259/2017, para pagamento de Imposto Predial e Territorial Urbano - IPTU do exercício de 2022, e dá outras providências. Autoria do Poder Executivo.

 Requerimentos aprovados:

 039/2021 - Requer ao prefeito extrato dos processos de concessão do “Habite-se” correspondentes ao ano de 2021, no qual deve constar a identificação dos requerentes, bem como a data de solicitação e de concessão do documento. Autoria do vereador Ronildo Macedo.

 040/2021 - Requer ao prefeito: cópia integral digitalizada do processo administrativo que originou a terceirização da prestação de serviços médicos do Hospital Regional e da Unidade de Pronto Atendimento; a qualificação completa da pessoa jurídica contratada e de seus responsáveis legais;os valores envolvidos na contratação e a forma de pagamento; e cópias das escalas dos plantões dos últimos seis meses e das folhas de ponto dos médicos plantonistas, nas quais devem incluir a identificação dos profissionais e o CRM. Autoria do vereador Ronildo Macedo.

 041/2021 - Requer ao prefeito informações acerca da demora na reparação das vias e calçamentos nos mais diversos pontos da cidade nos quais há obras de implementação dos sistemas de abastecimento de água e esgotamento sanitário, bem como das medidas adotadas até o momento na busca pela solução dos problemas.Autoria do vereador Ronildo Macedo.

 Para saber mais informações sobre os projetos que tramitam na Casa, acesse o Sistema de Apoio ao Processo Legislativo (Sapl).

Câmara de Vereadores de Vilhena
Diretoria de Comunicação
Texto: Diretoria de Comunicação/Diretoria Legislativa
Foto: Diretoria de Comunicação

Câmara de Vereadores faz esclarecimentos sobre rateio do Fundeb

por Dicom publicado 13/12/2021 17h15, última modificação 14/12/2021 09h56


Parlamentares apontaram solução para possibilitar rateio.

 O presidente da Câmara de Vereadores, Ronildo Macedo (PV), convocou a imprensa para uma coletiva, que aconteceu na manhã desta segunda-feira (13). O motivo do encontro foi esclarecer dúvidas acerca do  vídeo divulgado pela prefeitura, sobre o rateio do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

Na coletiva, o diretor Legislativo, Sales Luiz Júnior, fez uma explanação técnica do assunto. Em oito de junho, o Executivo enviou o Projeto de Lei 6135/2021, em regime de urgência, que foi aprovada pelos vereadores. A proposição tratava sobre autorização para abertura de crédito adicional suplementar, por excesso de arrecadação, no valor de R$ 2.072.000,00, no orçamento-programa da Secretaria Municipal de Educação (Semed).

Os recursos eram para complementar o pagamento de folha, encargos previdenciários e rescisões dos servidores da Rede Municipal de Ensino lotados no Fundeb. Nesse projeto, a tabela do excessode arrecadação já apontava para uma estimativa aproximada de 14,5 milhões para o ano de 2021.

O projeto de Lei 6275/2021, que foi reprovado na sessão extraordinária de sexta-feira, 10, solicitava autorização para abertura de crédito adicional especial, por excesso de arrecadação, no valor de R$ 2.549.858,00, no orçamento-programa da Semed, para aquisição de equipamentos e materiais permanentes para atender às escolas municipais.

A proposição foi enviada à Câmara no dia seis de dezembro, não sendo realizado processo próprio de licitação; sendo utilizada ata de registro de preços da Supel e Sudene, o que dá a entender que foi uma decisão tomada em cima da hora e não produto de um levantamento.

Um parecer do Tribunal de Contas do Estado foi favorável às contas da prefeitura de 2020, mas com ressalvas. Embora a legislação federal verse sobre investimento mínimo de 25%, o Plano Municipal de Educação, instituído pela Lei Complementar 226/2015, 

Determina que deveria ter sido ampliado em 1% anualmente e, até 2020, deveria estar em 30%. A recorrência em 2021 de não atingir essa meta, que passa a ser de 31%, pode incorrer em improbidade administrativa.

No final da coletiva, o presidente Ronildo Macedo propôs uma solução para poder viabilizar o rateio aos profissionais da Educação: “O Executivo pode enviar um novo Projeto de Lei em regime de urgência, até as 15h, no valor daquele que foi rejeitado, mas com recursos que não sejam do Fundeb, para que assim possa comprar os itens necessários e disponibilizar recursos para que possa ser realizado o rateio”, finalizou.

Câmara de Vereadores de Vilhena
Diretoria de Comunicação
Texto: Diretoria de Comunicação
Foto: Diretoria de Comunicação

 

Câmara aprova abono pecuniário aos profissionais da Educação

por Dicom publicado 10/12/2021 23h22, última modificação 10/12/2021 23h22


Projeto foi aprovado por unanimidade.

A Câmara de Vereadores de Vilhena aprovou o Projeto de Lei 6.268/2021, que concede  abono pecuniário aos profissionais da Educação da rede municipal de ensino, com recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). A votação aconteceu durante a 9ª sessão extraordinária, na noite desta sexta-feira (10).

Conforme a Constituição Federal, os recursos do Fundeb devem ser aplicados na manutenção e desenvolvimento da educação básica pública. Contudo, em 2020, ocorreram mudanças legislativas em relação ao fundo, que estipularam dois percentuais de aplicação do recurso: no mínimo de 70% para pagamento de remuneração de profissionais da educação básica e, no máximo, 30% para despesas em manutenção e desenvolvimento do ensino.

Dessa forma, com a aprovação do projeto, o Poder Executivo Municipal fica autorizado a conceder abono pecuniário aos profissionais da educação básica vinculados à Secretaria Municipal de Educação (Semed), em caráter excepcional, com o fim de se atingir a aplicação dos recursos do Fundeb.

São considerados profissionais da educação básica, para fins de rateio das sobras dos recursos disponíveis do Fundeb, os servidores que estejam em efetivo exercício na rede de ensino, que possuam vínculo estatutário, contratual ou temporário com a Semed.

Ainda segundo o projeto, o abono pecuniário não incorpora para quaisquer efeitos, aos vencimentos ou vantagem recebida pelos profissionais da educação, não constitui base de incidência para cálculos de contribuição previdenciária, não gera direito adquirido e sua duração fica condicionada às disposições financeiras do município.

O projeto foi aprovado por unanimidade e segue para sanção do Poder Executivo. Para saber mais detalhes sobre essa proposição, acesse o Sistema de Apoio ao Processo Seletivo (Sapl)

Câmara de Vereadores de Vilhena
Diretoria de Comunicação
Texto: Diretoria de Comunicação
Foto: Diretoria de Comunicação

Veja os projetos aprovados na 9ª sessão extraordinária da Câmara

por Dicom publicado 10/12/2021 23h10, última modificação 10/12/2021 23h16

 

A Câmara de Vereadores de Vilhena aprovou seis projetos de lei durante a 9ª sessão extraordinária da Casa. As votações aconteceram na noite desta sexta-feira (10). Entre as proposições aprovadas, está a concessão de abono pecuniário aos profissionais da Educação da rede municipal de ensino. O auditório teve a presença de profissionais da rede municipal.

O projeto de lei 6.275/2021 teve parecer favorável da Comissão de Finanças e Orçamento, com voto contrário separado da presidente da comissão, Professora Vivian Repessold (PP), mas voto favorável dos vereadores Wilson Tabalipa (PV) e Zé Duda (PSB). O projeto foi rejeitado por 11 votos a 1; o único voto favorável foi o do vereador Wilson Tabalipa.

Confira os Projetos de Lei aprovados:

6.232/2021 - Dispõe sobre autorização para abertura de Crédito Adicional Suplementar, por Excesso de Arrecadação, no valor de R$ 685.698,07 no Orçamento-Programa do SAAE, para suprir as despesas com os serviços continuados de coleta e destinação final de resíduos sólidos urbanos e domiciliares. Autoria do Poder Executivo.

6.233/2021 - Dispõe sobre autorização para abertura de Crédito Adicional Suplementar, por Superávit Financeiro, no valor de R$ 179.788,35 no Orçamento-Programa do SAAE, para suprir as despesas com os serviços continuados de coleta e destinação final de resíduos sólidos urbanos e domiciliares. Autoria do Poder Executivo.

6.255/2021 - Altera, acresce e revoga dispositivos da Lei nº 5.025, de 20 de dezembro de 2018, que reestrutura o Regime Próprio de Previdência Social - RPPS e o Instituto de Previdência Municipal de Vilhena - IPMV. SUBSTITUTIVO 010/2021 - CCJR.  Autoria do Poder Executivo.

6.268/2021 - Dispõe sobre a concessão de abono pecuniário aos profissionais da Educação da Rede Municipal de Ensino e dá outras providências. Autoria do Poder Executivo.

6.272/2021  - Dispõe sobre autorização para abertura de Crédito Adicional Suplementar no valor de R$ 130.000,00 no Orçamento-Programa da Câmara Municipal de Vereadores, para aquisição de equipamentos e materiais permanentes. Autoria do Poder Executivo.

6.274/2021 - Dispõe sobre autorização para abertura de Crédito Adicional Suplementar  no valor de R$ 1.778.343,87 no Orçamento-Programa da SEMED, para aquisição de notebooks, visando atender supervisores, orientadores e gestores escolares, bem como de equipamentos e materiais permanentes para suprir as demandas das Escolas Municipais, do Núcleo de Atendimento Multiprofissional e da Secretaria Municipal de Educação. Autoria do Poder Executivo.

Projeto de Lei rejeitado:

6.275/2021 - Dispõe sobre autorização para abertura de Crédito Adicional Especial, por Excesso de Arrecadação, no valor de R$ 2.549.858,00 no Orçamento-Programa da SEMED, para aquisição de equipamentos e materiais permanentes para atender as Escolas Municipais. Autoria do Poder Executivo.

Para saber mais informações sobre os projetos de lei, acesse o Sistema de Apoio ao Processo Legislativo (Sapl).

Câmara de Vereadores de Vilhena
Diretoria de Comunicação
Texto: Diretoria de Comunicação/Diretoria Legislativa
Foto: Diretoria de Comunicação

 

Pauta da 9ª sessão extraordinária de 10/12/2021

por Dicom publicado 10/12/2021 14h53, última modificação 10/12/2021 14h53

 

9ª SESSÃO

EXTRAORDINÁRIA

 

 

 

ESTADO DE RONDÔNIA

PODER LEGISLATIVO

CÂMARA DE VEREADORES DO MUNICÍPIO DE VILHENA

PAUTA

 

 

10/12/2021

PROJETOS DE LEI

ASSUNTO

AUTORIA

6.232/2021

Discussão e Votação

Dispõe sobre autorização para abertura de Crédito Adicional Suplementar, por Excesso de Arrecadação, no valor de R$ 685.698,07 no Orçamento-Programa do SAAE, para suprir as despesas com os serviços continuados de coleta e destinação final de resíduos sólidos urbanos e domiciliares.

Poder Executivo

6.233/2021

Discussão e Votação

Dispõe sobre autorização para abertura de Crédito Adicional Suplementar, por Superávit Financeiro, no valor de R$ 179.788,35 no Orçamento-Programa do SAAE, para suprir as despesas com os serviços continuados de coleta e destinação final de resíduos sólidos urbanos e domiciliares.

Poder Executivo

6.255/2021

Discussão e Votação

Altera, acresce e revoga dispositivos da Lei nº 5.025, de 20 de dezembro de 2018, que reestrutura o Regime Próprio de Previdência Social - RPPS e o Instituto de Previdência Municipal de Vilhena - IPMV.

SUBSTITUTIVO 010/2021 - CCJR

Poder Executivo

6.268/2021

Discussão e Votação

Dispõe sobre a concessão de abono pecuniário aos profissionais da Educação da Rede Municipal de Ensino e dá outras providências.

Poder Executivo

6.272/2021

Discussão e Votação

Dispõe sobre autorização para abertura de Crédito Adicional Suplementar no valor de R$ 130.000,00 no Orçamento-Programa da Câmara Municipal de Vereadores, para aquisição de equipamentos e materiais permanentes.

Poder Executivo

6.274/2021

Discussão e Votação

Dispõe sobre autorização para abertura de Crédito Adicional Suplementar  no valor de R$ 1.778.343,87 no Orçamento-Programa da SEMED, para aquisição de notebooks, visando atender supervisores, orientadores e gestores escolares, bem como de equipamentos e materiais permanentes para suprir as demandas das Escolas Municipais, do Núcleo de Atendimento Multiprofissional e da Secretaria Municipal de Educação.

Poder Executivo

6.275/2021

Discussão e Votação

Dispõe sobre autorização para abertura de Crédito Adicional Especial, por Excesso de Arrecadação, no valor de R$ 2.549.858,00 no Orçamento-Programa da SEMED, para aquisição de equipamentos e materiais permanentes para atender as Escolas Municipais.

Poder Executivo

Câmara de Vereadores de Vilhena
Diretoria de Comunicação
Texto: Diretoria de Comunicação/Diretoria Ligislativa
Foto: Diretoria de Comunicação

Servidores da Câmara participam do evento "Rondônia mais simples”

por Dicom publicado 09/12/2021 13h46, última modificação 09/12/2021 13h46


Unidade da Sala do Empreendedor funcionará na Casa Legislativa, em 2022.

Servidores da Câmara de Vilhena participam do evento "Rondônia mais simples”, promovido pelo Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Rondônia (Sebrae-RO), com apoio de diversas instituições. O fórum, que começou na quarta-feira (8) e encerra nesta quinta-feira (9), tem por objetivo debater a simplificação, para ampliar o empreendedorismo no estado.

Os servidores Miguel Câmara, Luiz de Oliveira, Joel Cavalcante e o vereador Pedrinho Sanches (Avante) participam do evento. O fórum marca uma parceria entre a Casa Legislativa,  a Associação Rondoniense de Municípios (Arom) e o Sebrae; a partir de 2022, uma das unidades da Sala do Empreendedor funcionará na Câmara de Vilhena.

Durante o fórum, que acontece no Teatro Guaporé, em Porto Velho, a pauta discutida é “Simplificação e desburocratização de processos que envolvem a abertura, alteração, baixa, e licenciamentos de empresa”.

O evento é indicado para gestores públicos, vereadores, deputados, servidores das secretarias de meio ambiente, fazenda, planejamento, vigilância sanitária e agricultura das esferas estadual e municipal, contadores e entidades representativas do setor produtivo em geral.

De acordo com o Sebrae, em meio ao processo de retomada do mercado mundial, a modernização e a adoção de ferramentas digitais pelos órgãos públicos tornam-se imprescindíveis para acelerar a recuperação da economia do país, e cada partícipe desta equação tem papel fundamental na implementação de serviços públicos cada vez mais digitais.

Sala do Empreendedor

A Sala do Empreendedor visa facilitar o acesso à informação e o encorajamento de munícipes para o empreendedorismo. Com atendimentos aos empreendedores e empresários de forma presencial e, a distância pela internet, fornece orientações e instruções que permitem melhorar a competitividade das empresas e produtores rurais atendidos.

Câmara de Vereadores de Vilhena
Diretoria de Comunicação
Texto: Dicom com informações do Sebrae
Foto: TCE-RO

Câmara de Vereadores realiza sessão extraordinária nesta sexta-feira, 10

por Dicom publicado 09/12/2021 10h55, última modificação 09/12/2021 11h01